Lembre-se sempre de que o MeuCálendariodeVacinas é uma ferramenta informativa e não substitui o aconselhamento do seu médico. Consulte sempre seu médico antes de tomar decisões relacionadas à saúde.

HPV

A vacina HPV ajuda a proteger contra o papilomavírus humano (HPV); um vírus que pode causar câncer de colo do útero e outras doenças.

Calendário de vacinação recomendado

*De acordo com a Sociedade Brasileira de Pediatria

Timeline diagram showing recommended doses for this vaccine

Saiba mais!

Converse com seu médico sobre a vacina HPV.

${iconAlt}

Identifique possíveis falhas na proteção do seu filho

Crie um calendário personalizado para ver se o seu filho perdeu alguma vacina.*

Visualize o calendário personalizado do seu filho para ver se está faltando alguma vacina.*

*De acordo com a Sociedade Brasileira de Pediatria

HPV

Você sabia...

Há mais de 100 tipos de HPV, dos quais pelo menos 14 são causadores de câncer (também conhecidos como tipo de alto risco) (1).

Você sabia...

A prevenção principal começa com a vacinação (1).

  • O papilomavírus humano (HPV) é um grupo de vírus extremamente comum em todo o mundo (1). Há muitos tipos de HPV, e muitos não causam problemas (1). As infecções por HPV geralmente desaparecem sem nenhuma intervenção em poucos meses depois de contraídas, e cerca de 90% desaparece em até 2 anos (1). No entanto, uma pequena proporção de infecções com certos tipos de HPV pode persistir e progredir para câncer cervical (1). O HPV também pode causar uma proporção de cânceres no ânus, vulva, vagina, pênis, e cabeça e pescoço (1,2). Os tipos de HPV que não causam câncer podem causar verrugas genitais, que são muito comuns, altamente infecciosas e afetam a vida sexual (1).

  • O momento de pico para contrair a infecção por HPV tanto entre as mulheres como nos homens é logo após o início da vida sexual ativa (1). O HPV se dissemina por contato direto da pele com pele, durante a maioria dos tipos de atividade sexual com uma pessoa que tem o vírus (1,3). O HPV pode ser transmitido mesmo quando a pessoa infectada não apresenta sinais ou sintomas (6).

  • Homens e mulheres sexualmente ativos serão infectados em algum momento em suas vidas e alguns podem ser infectados repetidamente (1). Há mais de 100 tipos de HPV, dos quais pelo menos 14 são causadores de câncer (também conhecidos como tipo de alto risco) (1). Os fatores de risco para persistência do HPV e desenvolvimento de câncer cervical são (1,4): 

    • estar infectado com um tipo específico de HPV: dois tipos de HPV de alto risco causam 70% dos cânceres cervicais 
    • apresentar uma condição imunológica mais fraca, como os portadores de HIV 
    • estar infectado com outras infecções sexualmente transmitidas, como herpes, clamídia e gonorreia, concomitantemente com o HPV 
    • aumento do número de parceiros sexuais e primeiros anos de atividade sexual 
    • fumar cigarros
  • A maioria das infecções por HPV não causa nenhum sintoma e desaparece sozinha (1,2). A infecção genital persistente por HPV pode causar câncer cervical em mulheres (2). O câncer cervical por HPV geralmente não provoca sintomas até que esteja bastante avançado, muito grave e difícil de tratar (5). Por esse motivo, é importante que as mulheres façam exames regulares de triagem para o câncer cervical (5).

    A infecção por HPV também pode causar verrugas genitais (6). As verrugas genitais geralmente aparecem como pequenas saliências ou grupos de protuberâncias na área genital (6). Elas podem ser pequenas ou grandes, elevadas ou planas ou ter um formato semelhante à couve-flor (6). Em geral, o médico consegue diagnosticar as verrugas observando a área genital (6).

  • A prevenção principal começa com a vacinação. Outras intervenções preventivas para meninos e meninas são: (1) 

    • educação sobre práticas sexuais seguras 
    • promoção do uso de preservativo para pessoas já sexualmente ativas 
    • avisos sobre uso de tabaco

    Mulheres sexualmente ativas devem ser examinadas para pesquisa de alterações celulares anormais no colo uterino (1).

    Se houver sinais de câncer cervical, as opções de tratamento para câncer invasivo incluem cirurgia, radioterapia e quimioterapia (1).

Converse com seu médico

Marque uma consulta com seu médico hoje para conversar sobre como vacinar seu filho contra HPV.

Identifique possíveis falhas na proteção do seu filho

Crie um calendário personalizado para ver se o seu filho perdeu alguma vacina.*

Visualize o calendário personalizado do seu filho para ver se está faltando alguma vacina.*

*De acordo com a Sociedade Brasileira de Pediatria

1. WORLD HEALTH ORGANIZATION. Human papillomavirus (HPV) and cervical cancer. 2019. Disponível em: <https://www.who.int/news-room/fact-sheets/detail/human-papillomavirus-(hpv)-and-cervical-cancer>. Acesso em: 25 abr. 2019.

2. WORLD HEALTH ORGANIZATION. Immunization, vaccines and biologicals: human papillomavirus (HPV). 2018. Disponível em: <https://www.who.int/immunization/diseases/hpv/en/>. Acesso em: 25 abr. 2019.

3. CENTERS FOR DISEASE CONTROL AND PREVENTION. Human Papillomavirus (HPV): About HPV. 2019. Disponível em: <https://www.cdc.gov/hpv/parents/whatishpv.html>. Acesso em: 07 maio 2019.

4. CENTERS FOR DISEASE CONTROL AND PREVENTION. Inside Knowledge About Gynecologic Cancer - Risk Factors for Cervical Cancer Development. 2015. Disponível em: <https://www.cdc.gov/cancer/knowledge/provider-education/cervical/risk-factors.htm>. Acesso em: 25 abr. 2019.

5.CENTERS FOR DISEASE CONTROL AND PREVENTION. Human Papillomavirus (HPV) - The Link Between HPV and Cancer. 2015. Disponível em: <https://www.cdc.gov/hpv/parents/cancer.html>. Acesso em: 25 abr. 2019.

6. CENTERS FOR DISEASE CONTROL AND PREVENTION. Human Papillomavirus (HPV) - Genital HPV Infection - Fact Sheet. 2017. Disponível em: <https://www.cdc.gov/std/hpv/stdfact-hpv.htm>. Acesso em: 07 maio 2019.